A Microsoft, comandada pelo executivo indiano Satya Nadella, vai reforçar sua aposta nos sistemas de computação em nuvem. Mas isso vai custar milhares de empregos. A empresa confirmou que vai realizar cortes nos departamentos de vendas e de marketing. A quantidade de desligamentos não foi revelada pela companhia, mas a previsão é de que a medida atinja até 10% dos 50 mil empregados da área. Contudo, de acordo com o site americano CNBC, o número de demissões será próximo de três mil e a maioria delas acontecerá fora dos Estados Unidos. “A Microsoft está implementando mudanças para servir melhor os seus clientes e sócios”, disse um porta-voz da companhia. Ao mesmo tempo, a companhia amplia seus investimentos em computação em nuvem. Recentemente a Microsoft adquiriu a startup israelense Cloudyn, focada na análise do consumo de dados na internet, por algo em torno de US$ 60 milhões. Ao melhor estilo “com quantos paus se faz uma canoa”, resta saber com quantos empregados se administra uma plataforma de nuvem.

 

Rodrigo Loureiro

A Microsoft está nas nuvens. Seus funcionários, próximos da rua

COMECE AGORA A TRANSFORMAR SUA IDEIA EM UM NEGOCIO REAL

Campos marcados com * são requeridos

CONTATO

Envie uma mensagem e responderemos o mais breve possível.

Enviando

©2017 i9Startups - Plataforma de ignição da sua idéia.

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account